Resenha Crítica | Terror em Silent Hill (2006)

Silent Hill, de Christophe Gans

No dia 18 de agosto de 2006, era lançado no Brasil “Terror em Silent Hill”, adaptação da popular série de games da Konami. Até hoje, o filme de  Christophe Gans segue como uma referência em transposição de um jogo eletrônico para o cinema, ainda que o seu êxito comercial tenha sido modesto.

Gans realmente se dedicou no processo em recriar Silent Hill, com o seu arrojo visual característico trabalhando em favor de uma narrativa muito mais interessada em abraçar uma atmosfera de pesadelo do que colocar todos os pingos nos is em sua conclusão. É o que defendemos em nosso breve comentário publicado hoje em nosso canal no Youtube.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s